Encontro Regional e Interinstitucional de Políticas para Indígenas com Deficiência começa amanhã

A experiência das Caravanas de Direitos Humanos deixa um legado por onde passa ao fortalecer a rede local de acesso à justiça e de promoção dos direitos humanos. É justamente em função desse legado, que será realizado o ‘I Encontro Regional e Interinstitucional de Políticas para Indígenas com Deficiência’, nesta quarta e quinta-feira (22 e 23 de maio). O encontro acontecerá na Aldeia Reserva da Jaqueira, Terra Indígena Coroa Vermelha, em Santa Cruz Cabrália, no território Costa do Descobrimento.

O evento é proposto pelo Grupo Interinstitucional de Políticas para Pessoas Indígenas, composto pela Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH), Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai), Secretaria de Saúde Indígena (Sesai) e Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi). Criado a partir das Caravanas de Direitos Humanos, realizadas nas Aldeias de Barra Velha, em Porto Seguro, e Truka Tupan, em Paulo Afonso, no ano passado, o Grupo tem por finalidade dialogar sobre a política da pessoa indígena com deficiência, através de levantamento de dados, escuta e elaboração de plano de ação, que possam garantir os direitos desse segmento.

A ideia do I Encontro Regional é iniciar um trabalho interinstitucional, envolvendo os setores de educação, saúde e assistência social da região Sul da Bahia, que concentra a maior população indígena do Estado, além de indígenas com deficiência e de seus familiares.

“A Secretaria de Justiça e Direitos Humanos – SJDH, sabendo da importância do diálogo com os povos indígenas e tradicionais, pretende, com este ato, estreitar os contatos com as instituições que podem fortalecer e aprimorar as ações nesse campo, com vistas a garantir os direitos da população indígena com deficiência, respeitando sua cultura e diversidade”, disse Luiz Araújo, assessor técnico da Superintendência dos Direitos da Pessoa com Deficiência- SJDH, que acompanhará, in loco, a atividade.

Fonte: Ascom/SJDH