No primeiro clássico do ano, Palmeiras se impõe em casa e vence o Santos

No primeiro clássico paulista da temporada, o Palmeiras venceu o Santos em casa por 2 a 1 neste domingo, pela terceira rodada do Paulistão. O Verdão foi superior em todo o jogo, mas só conseguiu marcar no segundo tempo, com gols de Raphael Veiga e Flaco López. O Santos ainda diminuiu a desvantagem em lance de Otero, mas não teve forças para buscar o empate.

  • Como fica

    Com a vitória, o Palmeiras manteve a ponta do Grupo B, com sete pontos. O Santos, mesmo derrotado, também é líder em seu grupo, o A, com seis pontos.

  • O primeiro tempo

    Os primeiros 45 minutos do clássico foram de algumas boas chances, mas nenhum gol. O argentino Flaco López chegou a balançar a rede do Santos, aos 19 minutos, mas ele estava impedido. O Palmeiras ficou perto de abrir o placar aos 36 minutos: Raphael Veiga bateu falta e acertou a trave direita de João Paulo. O Santos, que ficou à espera de contra-ataques no primeiro tempo, teve sua melhor oportunidade aos 42 minutos. Willian ficou cara a cara com Weverton, que fez boa defesa.

        O segundo tempo

A superioridade do Palmeiras no jogo se transformou em gol, enfim, aos três minutos do segundo tempo. Raphael Veiga aproveitou uma bola desviada dentro da área do Santos e abriu o placar no Allianz Parque. Flaco López ampliou aos 16 minutos. Ele tentou duas vezes, na cara de João Paulo, que conseguiu salvar a primeira, mas não a segunda. Otero deu mais emoção ao clássico aos 23 minutos: Willian cruzou da direita, Cazares não conseguiu finalizar, e o venezuelano mandou para o gol. O placar não mudou mais, porém.

  • Agenda

    O Palmeiras joga fora de casa na próxima rodada: na quarta, 19h30, encara o Red Bull Bragantino em Bragança. O Santos sobe a serra mais uma vez para jogar no mesmo dia, às 21h35, contra o Água Santa – a partida será em São Bernardo do Campo.

  • Reencontro Mayke x Willian Bigode

    Ex-colegas que hoje se enfrentam nos tribunais, o lateral e o atacante tiveram um duelo sem atritos no Allianz Parque – até se cumprimentaram antes da partida. Mayke acusa Willian de tê-lo enganado num investimento milionário em criptomoedas.